Home Top Ad

Hoje na Europa, Arthur Cabral admite mágoa e desabafa sobre "geladeira" no Palmeiras


Share:


​Assim que chegou ao ​Palmeiras, o técnico Mano Menezes percebeu que ganhou um elenco com praticamente três nomes por setor. Quando se fala em plantel, o novo comandante do Verdão não tem do que reclamar, certo? Em partes. O treinador deixou claro, nos bastidores, que gostaria muito de ter trabalhado com o centroavante Arthur Cabral, que chegou ao Ceará em janeiro, mas foi repassado ao Basel, da Suíça, por empréstimo há cerca de 15 dias.

O atacante de 21 anos só disputou seis partidas sob a batuta de Luiz Felipe Scolari, com apenas um gol marcado. Com as aquisições de Luiz Adriano e Henrique Dourado, esse último por empréstimo, na janela de meio de ano, Arthur ficou como quinta alternativa no elenco e optou por procurar novos ares. Nessa semana, ele voltou ao Brasil para defender a Seleção Sub-23 em amistosos no Pacaembu.

Convocado por André Jardine, Arthur conversou com a reportagem do ​site da ESPN e comentou sobre a negociação com o clube suíço, que disputará a Liga Europa na temporada 2019/20 após cair nas fases preliminares da Champions, antes de o brasileiro chegar à Basileia. Ele admitiu que conversava com outras equipes do Velho Continente, mas assim que chegou o convite dos suíços, não pensou duas vezes. Ele está emprestado ao Basel até o meio de 2020, com opção de compra obrigatória dos europeus.

"Meu empresário me falou sobre o Basel e tinha uma negociação com o Braga. Quando ele me falou sobre o Basel eu fiquei muito feliz porque é um time que conhecia muito bem por ser um time que disputa a Champions League. Vi com muitos bons olhos e quando tudo se concretizou eu fiquei muito feliz", contou Cabral, que deixou escapar que não estava feliz com a situação de não ser utilizado por Felipão.

"Quando meu empresário me perguntou quando eu queria viajar, respondi: ‘Se você comprar a passagem hoje, eu arrumo as minhas malas e vou embora’", completou Cabral, que foi contratado pelo Palmeiras por indicação do próprio treinador. O Ceará ainda é dono de uma porcentagem do atleta, que impressionou Mano Menezes exatamente em jogo contra o Cruzeiro quando ainda defendia o Vozão. Em pleno Mineirão, Arthur marcou dois gols da vitória por 2 a 0 pelo Campeonato Brasileiro do ano passado.

Fonte: 90 min

Nenhum comentário